Uberlândia é o único do Brasil entre os 10 primeiros na oferta de serviços digitais e estímulo à conectividade


Tornar Uberlândia uma cidade que oferta serviços cada vez mais modernos e eficientes para a população é uma das metas de trabalho da Prefeitura de Uberlândia e o resultado desse investimento pode ser conferido no dia a dia dos moradores nos mais diversos setores, como Saúde, Educação e Infraestrutura. O sucesso das iniciativas é tanto que, em 2020, o município se tornou o único do país a estar presente entre os dez primeiros nos rankings nacionais “Serviços de Cidades Inteligentes e “Cidade Amiga da Internet”.

Na edição deste ano, Uberlândia encontra-se à frente de capitais como Fortaleza (CE), Belo Horizonte (MG) e Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS) e São Paulo (SP). A cidade ficou em terceiro lugar no ranking final, ao obter a segunda posição na lista de estímulo à conectividade e o sexto lugar na oferta de serviços digitais.

As duas listas, divulgadas nesta terça-feira (25), são organizadas pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia, Serviço Móvel Celular e Pessoal (Sinditelebrasil) e a consultoria Teleco. O ranking “Cidade Amiga da Internet” avalia, nos 100 municípios com maior população do Brasil, o estímulo à conectividade por meio de políticas públicas que facilitem a instalação de infraestrutura do setor de telecomunicações. Por sua vez, a referência para o ranking “Serviços de Cidades Inteligentes” está nas 100 cidades brasileiras com maior oferta de serviços ao cidadão por meios digitais.

“Desde o início da administração, o nosso trabalho tem sido constante no sentido de retomar a credibilidade da administração pública, atender a população nas áreas prioritárias e impulsionar a economia da cidade. Portanto, a modernização dos serviços públicos e da infraestrutura da cidade é um dos caminhos que tomamos para oferecer soluções práticas ao nosso povo. Isso inclui a informatização de muitos processos sob responsabilidade da Prefeitura, disponibilização de serviços por meio de aplicativos para smartphones e a adoção de políticas como a implementação do sistema de telegestão na iluminação pública (com a troca dos pontos de luz por lâmpadas de LED) e dos semáforos inteligentes, que já estão possibilitando maior segurança e agilidade”, explicou o prefeito Odelmo Leão.

 

Prefeitura Digital

Desde 2017, a oferta de recursos digitais cresceu para que os moradores tenham facilidade e celeridade no atendimento e o número de opções disponíveis já passa de 70. O usuário encontra alternativas em site, aplicativos para smartphones e whatsapp.

Ao acessar o site oficial do Município (www.uberlandia.mg.gov.br), aprimorado em 2019 para ser mais interativo e oferecer novas funcionalidades, o usuário encontra praticidade para requisitar demandas e acompanhar as atividades do poder público. Há várias maneiras de se encontrar informações de interesse, agendar atendimentos e conferir dados importantes, como escala médica nas unidades de saúde, trajeto das linhas do transporte público, emissão de guias, registro de reclamações e sugestões, acompanhamento das contas públicas, entre outros.

Pelo WhatsApp, é possível requisitar junto ao Dmae, por exemplo, segunda via de contas, certidão de quitação de débito e histórico de consumo, além de notificar vazamentos de água em espaços públicos. O usuário ainda consegue emitir pelo aplicativo de bate-papo a segunda via do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e consultar por bairro serviços e produtos oferecidos por empreendedores da cidade que se cadastram na lista dentro do programa de estímulo à economia “Mais Negócio”.

Além disso, cinco aplicativos para smartphones estão em operação para facilitar: “Saúde+Uberlândia” (com informações sobre unidades de saúde), “Salve Maria” (de apoio a mulheres em situação de violência), “UDI Sem Dengue” (para denúncias sobre focos do mosquito), “Mãe Uberlândia” (plataforma de suporte a gestantes) e “Ecobonuz” (voltado a usuários do transporte público).

 

Confira aqui os rankings de “Serviços das Cidades Inteligentes” e “Cidade Amiga da Internet”

 

Fonte: SECOM