Mais de 350 semáforos já contam com botoeiras para travessia de pedestres


A instalação de botoeiras, serviço contemplado pelo contrato de modernização semafórica pela Prefeitura de Uberlândia foi executada em de 357 cruzamentos nos últimos três meses (março, abril e maio). Nesta semana está sendo a vez de outras 11 localidades receberem o equipamento.

Os novos locais contemplados são a avenida Engenheiro Diniz com rua Vieira Gonçalves, rua Araguari com Rodrigues da Cunha, Vasconcelos Costa com Engenheiro Azeli e Padre Pio e na avenida Rondon Pacheco com as ruas Rio de Janeiro, Paraná, Porto Alegre, Belém, Antônio Crescêncio, Niterói e João Naves de Ávila.

A botoeira é um equipamento de acessibilidade do deficiente visual na travessia em vias semaforizadas. O equipamento consiste em um botão que ativa um sinal sonoro em determinada frequência de forma que o pedestre fique ciente do tempo para passar de uma calçada a outra. Anteriormente, a tecnologia passou regulagens quanto ao volume e ao tempo de sonoridade, conforme determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

A modernização semafórica da cidade consiste na substituição dos grupos focais que estavam com lâmpadas incandescentes pelas lâmpadas em LED. Assim como as botoeiras, o trabalho contempla a substituição dos grupos focais de pedestres para os de tecnologia em LED e contagem regressiva e também a pintura dos braços de sustentação dos semáforos.