Home / Notícias / Assinada ordem de serviço para construção do Terminal Jardins

Assinada ordem de serviço para construção do Terminal Jardins


Dando continuidade ao programa Uberlândia Integrada, o prefeito Odelmo Leão assinou, na tarde desta quarta-feira (4), a ordem de serviço para a construção do Terminal Jardins, que estará localizado no bairro Canaã, zona oeste de Uberlândia. Oitava estrutura do de transporte público do tipo na cidade, o novo terminal vai beneficiar cerca de 40 mil passageiros diariamente. A construção da obra também promoverá a duplicação da avenida Judeia, via onde o equipamento será erguido.

“Minha gestão sempre foi marcada pelas melhorias e aprimoramento da mobilidade urbana. Está é mais uma obra que trará benefícios a milhares de pessoas e principalmente para aquele trabalhador que necessita do transporte público. Como serviço essencial, a população espera um transporte com qualidade, conforto e segurança e é nesse sentido que o nosso governo tem trabalhado, promovendo, apesar das dificuldades, melhorias com as diversas obras já entregues e outras ainda em andamento”, disse o prefeito Odelmo Leão.

 

Terminal Jardins

Oitavo terminal do Sistema Integrado de Transportes (SIT) de Uberlândia, o Terminal Jardins estará localizado na avenida Judeia, cruzamento com a avenida Judá. A estrutura, que contará com três plataforma de embarque e desembarque, será erguida em um terreno de 37,4 mil m² e terá área construída de 8,7 mil m². O terminal contará ainda com área de estocagem, área para os motoristas, bilheteria, sala administrativa, área de estacionamento, bicicletário e área de expansão.

Duas outras obras que ocorrerão em conjunto serão a drenagem pluvial e a duplicação da avenida Judeia – necessária pelo fato de que trânsito terá alterações a partir da conclusão do terminal. Atualmente com 14 metros largura, a via passará a ter 40 metros de largura, com duas faixas de rolamento por sentido e estacionamento. Haverá ainda canteiro central e ciclovia. Concluída, toda a estrutura beneficiará diretamente os bairros Canaã, São Lucas, Jardim Célia, Panorama, Jardim Maanaim, Residencial Pequis, Monte Hebron, São Bento, Lago Azul e Morada Nova.

Os trabalhos serão fiscalizados pela administração municipal, por meio da Secretaria Municipal de Obras, e executados pela Dreste Construtora, empresa escolhida por meio do Regime Diferenciado de Contratação (RDC), considerado um sistema licitatório mais ágil. O valor do contrato é de cerca de R$ 23 milhões.

 

Uberlândia Integrada

O investimento é um financiamento do Ministério das Cidades, por meio do Pró-Transportes, e retomado recentemente no âmbito do programa Uberlândia Integrada I e II. Esse recurso tem caráter vinculado, ou seja, só pode ser utilizado em obras estruturais de mobilidade. O programa Uberlândia Integrado I foi lançado pelo prefeito Odelmo Leão ainda durante a última gestão (2009/2012).

 

Fonte: SECOM


Publicado em: 05/11/20
Subir

Fique por dentro

de tudo o que fazemos pela cidade.

  • Acompanhe